O prazo para fazer a inspeção veicular obrigatória de veículos movidos a gasolina, gás e álcool será antecipado no ano que vem e a taxa de R$ 52,73 continuará sendo reembolsada pela Prefeitura. Os proprietários terão três meses para fazer a verificação até a data limite do licenciamento.

Neste ano, com os veículos a diesel, está valendo o inverso: o prazo é de três meses a partir da data do licenciamento. A portaria com as alterações foi publicada ontem no Diário Oficial da Cidade.

Com a mudança, os proprietários de veículos que não passarem pela fiscalização terão o licenciamento bloqueado no mesmo ano. Nessa primeira etapa do programa de inspeção, ônibus e caminhões que não fazem a verificação serão impedidos de serem licenciados no ano que vem.

O cronograma para veículos que não são movidos a diesel começa no dia 1º de fevereiro. Quem não fizer pode ser multado em R$ 550. Os parâmetros para inspeção de motos serão definidos até o fim do ano. Quando o programa teve início, em maio, a Prefeitura instituiu o reembolso da taxa para o primeiro ano. Com a portaria, decidiu estender o benefício também para 2009. O dinheiro será depositado na conta corrente do proprietário ou por ordem de pagamento, num banco definido pela Prefeitura. As informações são do Jornal da Tarde .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.