Prefeitos rejeitam avaliação da Cetesb sobre lixões

SÃO PAULO - Um dia após a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) iniciar a notificação de 67 cidades com lixões em situação crítica, prefeitos já começaram a entrar com mandados de segurança contra a ofensiva do Estado.

Agência Estado |

Prefeituras de Araçariguama, Cravinhos, Cananéia, Embu-Guaçu, Presidente Prudente, São Miguel Arcanjo e Ubatuba contestam a reclassificação feita em setembro nos aterros de 137 municípios.

O levantamento, divulgado na quinta-feira, mostrou que 78 municípios - 57% dos analisados - mantêm aterros "inadequados" para o Índice de Qualidade de Resíduos (IQR). Até novembro, 67 devem ser interditados. As cidades acionadas estão entre as 137 que não fizeram melhorias nos aterros nos últimos dez meses - outros 55 municípios com aterros "inadequados" em 2007 melhoraram a classificação.

Para José Carlos dos Santos (PSDB), prefeito de Cravinhos, cujo aterro teve classificação 3,6 (inadequado), a Cetesb errou. "Fizemos diversas melhorias, a classificação é de 6,4 (controlado) pela agência da Cetesb de Ribeirão Preto." A cidade não tem coleta seletiva, um dos fatores analisados. "Não faz diferença, o lixo orgânico continua não sendo separado. Tratar lixo é coisa de cidade grande. Aqui, dez servidores municipais fazem a coleta."

A prefeitura de Cananéia, com aterro inadequado (3,6), também estuda medida judicial. São Miguel Arcanjo, com nota 4,9 para o aterro, também argumenta ter realizado melhorias, como a coleta seletiva. A prefeitura de Ubatuba contesta o parecer da Cetesb, de 8 de setembro, que exige a interdição do aterro. A exceção foi Cosmópolis, que fez uma auto-interdição no aterro, com nota 2,7. Os resíduos passam a ser enviados para um aterro de Paulínia, a 40 quilômetros. Em Presidente Prudente, a prefeitura informou que vai recorrer na Justiça. A cidade tem um dos piores aterros (2,7). As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

    Leia tudo sobre: cetesb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG