Acidente aconteceu durante um festival de acrobacias na tarde de sábado em Curitiba, no Paraná

selo

Devem ser reiniciadas segunda-feira (3), pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), as investigações sobre a queda do biplano Christen Eagle, que provocou a morte do piloto Fábio Luiz de Almeida , na tarde de sábado (1), durante o 6º Festival do Aeroclube do Paraná, que era realizado próximo ao Aeroporto do Bacacheri, na capital, Curitiba. O relatório que apontará as possíveis causas da queda deve estar pronto em 30 dias. Devido ao acidente, a programação do evento foi suspensa.

Imagem de aeronave momentos antes de cair durante um show aéreo
AE
Imagem de aeronave momentos antes de cair durante um show aéreo

Segundo contaram testemunhas, no momento do acidente o piloto, conhecido como comandante Ratão, tentava uma manobra de looping. Os fortes ventos que sopravam no momento em que o piloto fazia as manobras podem ter contribuído para o acidente. O modelo Christen Eagle é de fabricação norte-americana e estava sendo usado pela terceira vez por Fábio Luiz, proprietário da aeronave, informou um dos funcionários do clube.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.