Polícia do Paraná faz apreensão recorde de crack

Os policiais encontraram 128 quilos de crack escondidos junto com uma carga de soja dentro de um caminhão; o motorista foi autuado por tráfico de drogas

AE |

selo

Policiais da Divisão Estadual de Narcóticos do Paraná e do Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos apreenderam 128 quilos de crack, oito quilos de cocaína, duas pistolas calibres 45 e munições de vários calibres. Essa foi a maior apreensão de crack em uma única operação já realizada no Estado.

Tratamento: Em meio à epidemia de crack, Brasil fracassa em tratamento para dependentes

Pesquisa: Crack começa a substituir bebidas alcoólicas

O material estava escondido em meio à carga de soja de um caminhão que trafegava quarta-feira (14) na BR-277, em Laranjeiras do Sul, com direção a Paranaguá. O motorista Valdinei da Silva Dainese, de 27 anos, foi autuado por tráfico de drogas e porte ilegal de armas.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública do Paraná, em todo o ano passado, o Denarc apreendeu 360 quilos de crack, quase três vezes o encontrado nessa carga. "Foi um grande golpe contra o tráfico de drogas", disse, em nota, o delegado-geral da Polícia Civil, Marcus Vinícius Michelotto. "A ação mostra que a Polícia Civil está preparada para combater tanto o grande como o pequeno traficante que age no varejo". Os policiais contaram com a ajuda da Polícia Rodoviária Federal para abordar o caminhão.

O nervosismo e contradições apresentadas pelo motorista levaram à inspeção mais detalhada, que resultou no encontro das drogas e armas. A polícia acredita que o material destinava-se a abastecer pontos de venda em Curitiba e região metropolitana.

    Leia tudo sobre: tráfico de drogascrackparaná

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG