Justiça vai devolver passaporte a ex-deputado Carli Filho

Ex-deputado é acusado de causar um acidente em Curitiba, em maio de 2009, que deixou dois mortos

AE |

selo

Futura Press
Carli Filho em foto de agosto de 2011 quando foi ao Fórum do Paraná para participar de audiência do caso
O Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) reconsiderou nesta quinta-feira a decisão de proibir o ex-deputado estadual Carli Filho de sair do Brasil . Dessa forma, o político, acusado de duplo homicídio, poderá ter seu passaporte de volta. A decisão foi tomada pela 1ª Câmara Criminal do TJ-PR.

A decisão dos desembargadores afirma que a competência para julgar a retenção do passaporte não cabia ao relator.

Carli Filho é acusado de causar um acidente em Curitiba , em maio de 2009, que deixou mortos Gilmar Rafael Yared, de 26 anos, e Carlos Murilo de Almeida, de 20 anos. 

O ex-deputado confessou que havia tomado vinho antes de dirigir. Segundo laudo do Instituto de Criminalística, ele estava a uma velocidade entre 161 km/h e 173 km/h. O ex-deputados também estava com a carteira suspensa, com mais de 130 pontos.

    Leia tudo sobre: carli filhoacidentecuritiba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG