Morre policial que matou a namorada no meio de uma rua em Curitiba; vídeo

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Napoleão Seki Júnior tinha 38 anos e estava internado desde 24 de abril. Ele deu um tiro no próprio pescoço após alvejar jovem

O policial civil Napoleão Seki Júnior, 38 anos, que atirou no próprio pescoço após matar a namorada no meio da rua em Curitiba, no Paraná, morreu por volta das 18h30 da última quinta-feira (1). Ele estava internado desde o dia 24 de abril.

Reprodução/vídeo
Testemunhas filmaram o momento que o policial algema a namorada em rua de Curitiba (24/04)

Seki chegou a passar por uma cirurgia de seis horas e a ficou internado na UTI, Unidade de Terapia Intensiva, do Hospital Cajuru, mas não resistiu aos ferimentos, de acordo com boletim divulgado pela instituição.

Crime

A morte da jovem aconteceu entre as ruas Sete de Abril e a Avenida Senador Souza Naves, no bairro Alto da XV, e foi filmada por testemunhas, no último dia 24 de abril.

Ela foi sepultada no dia 25 no Cemitério Parque Iguaçu, que fica no bairro Cascatinha.

O caso começou com uma discussão intensa dentro do veículo do policial, que estava estacionado no Alto da XV.

Segundo informações de testemunhas, ele tirou a jovem do veículo puxando-a pelos cabelos e a algemou. Toda a ação ocorreu no meio da rua.

Segundo a polícia, a namorada pedia para ele parar e conseguiu, mesmo algemada, se levantar e correr. Ela atravessou a rua, mas foi alcançada pelo namorado e recebeu quatro tiros no peito. Ela morreu na hora. Em seguida, ele efetuou um disparo contra o próprio pescoço.

Veja o vídeo do crime:



compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas