Polícia Federal apreende R$ 500 mil em mercadorias em Foz do Iguaçu

Um home foi preso em ação no bairro Porto Meira, onde é feita a travessia de barco, por meio do rio Iguaçu, para a Argentina

Agência Estado |

Agência Estado

A Polícia Federal (PF) apreendeu mais de R$ 500 mil em equipamentos eletrônicos e deteve uma pessoa nesta segunda-feira no bairro Porto Meira, em Foz do Iguaçu (PR), onde é feita a travessia de barco, por meio do rio Iguaçu, para a Argentina.

Leia também:  PF prende 15 no Rio Grande do Sul por crimes contra a fauna

A ação aconteceu por volta das 11h, a partir de uma investigação em um depósito de mercadorias estrangeiras. No local, os policiais federais suspeitaram de um estabelecimento comercial que vendia temperos alimentícios. De acordo com a PF, nos fundos do terreno, localizado na rua Natal Graciotim, havia uma casa que servia de depósito para o material apreendido.

Todas as mercadorias, que estavam escondidas em caixas de madeira, eram de origem paraguaia e deveriam entrar em território brasileiro de maneira ilegal para que impostos não fossem pagos.

O proprietário do local, identificado como F.D.C., de 31 anos, foi preso. A polícia afirma ainda que toda a mercadoria será encaminhada para a Receita Federal, para que seja feita a contabilização dos tributos que deixaram de ser recolhidos durante a importação ilegal.

    Leia tudo sobre: Polícia FederalFoz do Iguaçu

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG