SÃO PAULO - A vereadora Soninha Francine será lançada oficialmente como candidata do PPS na disputa para as eleições municipais em São Paulo. O ato será realizado pela manhã, na Câmara Municipal de São Paulo. Para marcar posição sobre o problema de trânsito na capital, ela irá até a convenção de bicicleta.


Divulgação
Soninha vai de bicicleta na convenção do PPS
O encontro também vai homologar o candidato a vice-prefeito e os 83 candidatos a vereador, já que o PPS não fará coligações. Para a vice o partido deve escolher o cineasta João Batista de Andrade, que dirigiu os filmes O Homem que Virou Suco e Herzog. Há outros nomes cotados, como o ex-secretário estadual de Esporte Lars Grael e o subprefeito da Casa Verde, Marcos Duque Gadelho.

Eleita pelo PT - recebeu mais de 50 mil votos -, Soninha foi para o PPS em setembro, já com a perspectiva de disputar a prefeitura. O PT entrou com ação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para reaver seu mandato, acusando-a de infidelidade partidária.

Para tornar seu nome mais conhecido na disputa pela prefeitura, Soninha e o PPS prometem realizar pelo menos dez reuniões pela capital a partir deste domingo e até o início do horário eleitoral gratuito de rádio e televisão, em 19 de agosto.

Leia mais sobre:  Soninha - Eleições

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.