Policiamento é reforçado após confronto em Copacabana

RIO DE JANEIRO - O policiamento na região da Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, na zona sul do Rio, foi reforçado nesta terça-feira após os tiroteios ao longo da segunda-feira, que resultaram na morte de cinco suspeitos e na prisão de 12 pessoas. De acordo com a Polícia Militar (PM), policiais de diversos batalhões continuam ocupando os acessos à Ladeira dos Tabajaras.

Redação com Agência Estado |

Ainda de acordo com a polícia, a região apresenta clima de aparente tranquilidade na manhã desta terça-feira. Para ajudar no reforço, agentes do Batalhão Florestal da Polícia Militar também vão se juntar aos demais policiais no patrulhamento e para uma operação na mata da região em busca de criminosos.

AE
AE
Policiamento reforçado em Copacabana, zona Sul do Rio de Janeiro

Apesar disto, a Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-RIO), recomenda que os motoristas evitem o local, porque ainda existe a possibilidade de suspeitos estarem escondidos no local e podem acontecer novos conflitos com a polícia. Nenhuma via foi interditada.

Policiais x suspeitos

Nesta segunda-feira, o conflito entre policiais e supostos traficantes assustou os moradores de três bairros da zona sul carioca (Humaitá, Copacabana e Botafogo).

De acordo com a polícia, os mortos no confronto eram traficantes e atuavam na favela da Rocinha, em São Conrado. Eles estariam, desde sábado, tentando invadir e tomar os pontos de vendas de drogas da Ladeira dos Tabajaras.


Tiroteio causa pânico em Copacabana

Leia mais sobre: violência no Rio

    Leia tudo sobre: riorio de janeiroviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG