Policiais são presos acusados de adulterar combustível no Rio e SP

RIO DE JANEIRO ¿ Dezoito pessoas foram presas na Operação Resplendor, deflagrada na madrugada desta quinta-feira pela Polícia Federal. A ação tem como objetivo combater uma quadrilha que transportava clandestinamente e adulterava combustível. Entre os presos, estão policiais federais, civis e militares, empresários do ramo e um despachante.

Redação |

Acordo Ortográfico

Ao todo, foram expedidos 40 mandados de prisão preventiva e quatro fiscais da Receita Federal foram denunciados. Os presos irão responder pelos crimes de formação de quadrilha, advocacia administrativa, uso de documentação falsa e sonegação fiscal.

A operação ainda está em andamento. Os policiais estão cumprindo os mandados no município de Volta Redonda, na região sul do Estado do Rio, e em São Paulo. Os presos ainda não foram ouvidos pela polícia.

Leia mais sobre: combustível adulterado


    Leia tudo sobre: combustíveloperaçãopolícia federalquadrilhario

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG