O inquérito policial do caso Isabella chegou ao Fórum de Santana, na zona norte de São Paulo, trazido por dois policiais do 9º DP, em carro do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap). São cerca de 1.

100 páginas do inquérito e o relatório final das investigações. A polícia também pode, eventualmente, pedir a prisão preventiva do casal Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, indiciados pelo homicídio.

Os documentos serão protocolados e depois entregues ao promotor de Justiça Francisco Cembranelli, que decidirá se denuncia ou não à Justiça o casal pelo homicídio de Isabella Nardoni de 5 anos, em 29 de março. O promotor disse vai aproveitar o feriado prolongado para estudar o assunto e já prometeu uma decisão até o início da próxima semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.