Polícia prende terceiro acusado de chacina que deixou 15 mortos no Paraná

ITAQUIRAÍ - A polícia paranaense prendeu, na noite de sexta-feira, em Itaquiraí (MS), o terceiro acusado da chacina ocorrida no dia 22 de setembro, em Guaíra, no oeste do Paraná, que deixou 15 mortos e oito feridos. Fabiano Alves de Andrade, de 24 anos, estava em uma praça da cidade e, de acordo com a polícia, reagiu à prisão.

Agência Estado |

Hoje pela manhã ele chegou a Cascavel, no oeste paranaense, onde estão os outros dois acusados Jair Corrêa, de 52 anos, apontado como mentor do crime e Ademar Fernando Luiz, de 27 anos. De acordo com a polícia, ambos confessaram a participação na chacina.

Segundo as investigações, a princípio o objetivo era matar quatro pessoas que teriam participado da morte do enteado de Corrêa, ocorrida cerca de 20 dias antes, em razão de acerto sobre o tráfico de drogas. No entanto, Corrêa tirou o capuz e acabou reconhecido pelas pessoas que chegavam ao local. Como eles estavam embriagados, acabaram matando quem aparecia.

Leia mais sobre: chacina

    Leia tudo sobre: chacina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG