Polícia prende suspeito de jogar bomba em protesto

A Polícia Civil de São Paulo identificou por meio de imagens do circuito interno de um estabelecimento e prendeu um dos integrantes de um grupo que ateou fogo em um carro e provocou explosões na Rua Boa Vista, no centro da cidade, na última sexta-feira. Antonio Carlos Olímpio da Cruz, de 38 anos, participava da manifestação feita por lojistas que protestavam contra uma nova licitação dos contratos das lojas nas dependências das estações do metrô.

Agência Estado |

Cerca de 200 pessoas participaram do protesto.

As imagens do circuito interno de um estabelecimento mostram quando um dos integrantes acende uma bomba para atirá-la na rua. Ao perceber que a bomba está para ser detonada, outro homem puxa o braço de uma mulher que está perto do artefato. A bomba foi lançada em um automóvel que pegou fogo e explodiu.

Ninguém ficou ferido e a rua ficou interditada por uma hora. Uma nova explosão ocorreu logo depois da liberação da rua, que voltou a ser interditada pela Polícia Militar.

A Polícia Civil procura outras pessoas que participaram da ação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG