RIO DE JANEIRO ¿ Sete pessoas foram presas na manhã desta segunda-feira em uma operação realizada pela Polícia Civil para desarticular uma quadrilha de estelionatários que age no município de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Segundo a polícia, o grupo fazia descontos não autorizados na folha de pagamento de servidores públicos do Ministério da Saúde, aposentados e em atividade.

De acordo com o delegado titular da 78ª DP (Fonseca), Sérgio Sahione, as investigações apontam que o grupo arrecadou, entre os meses de janeiro e maio deste ano, cerca de R$ 1,2 milhão. A ação teve como objetivo desarticular a quadrilha e cancelar todos os descontos realizados indevidamente nos vencimentos dos servidores federais.

Na operação, foram presos Francisco José Paulo Barbosa, José Idelfonso Rodrigues, Hendrick Rocha Barbosa, Roque Luiz Rodrigues Santos, Raimundo Nilo Rodrigues, Karick Rocha Barbosa e Maria de Fátima Rocha Barbosa. Segundo a polícia, os suspeitos devem responder por estelionato, formação de quadrilha e falsificação de documentos, entre outros crimes.

Além dos sete mandados de prisão, a polícia cumpriu também oito mandados de busca e apreensão.

Leia mais sobre: estelionato

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.