Polícia prende mais um acusado de pedofilia em Alagoas

Servidor público é acusado de abusar sexualmente da sua própria filha e de pelo menos mais duas outras crianças

AE |

selo

A polícia prendeu mais um acusado de pedofilia que teria abusado de meninas menores de idade, na cidade de Água Branca (AL) . O servidor público municipal José Ronaldo, 43 anos, mais conhecido como 'Piriquito Falador', foi preso nesta segunda-feira e levado para delegacia da cidade de Delmiro Gouveia, que fica na região de Água Branca, no Sertão alagoano. 

Divulgação/Polícia Civil de Alagoas
Doze homens foram presos acusados de estuprar meninas na semana passada
José Ronaldo foi preso por uma guarnição da Policia Militar (PM), sob o comando do cabo Gonçalves, com base em uma denúncia feita ao 'Disque 100'. Segundo a denúncia anônima, o acusado abusava sexualmente da sua própria filha, de idade não revelada, e de pelo menos mais duas outras crianças. Ele usava filmes pornográficos para exibi-los durante o ato sexual com suas vítimas.  

Após prestar depoimento à polícia, José Ronaldo foi submetido a exame de corpo delito no Instituto Médico Legal de Maceió (IML) e em seguida levado de volta à delegacia regional de Delmiro Gouveia, onde ficaria preso à disposição da Justiça. 

Na semana passada, doze homens, entre eles um idoso de 90 anos, foram presos acusados de pedofilia em Água Branca . No entanto, apenas onze estão respondendo pelo crime, já que um dos presos foi indiciado apenas por porte ilegal de arma de fogo. Com a prisão de 'Piriquito Falador', sobe para doze o número de acusados de estupro de vulneráveis em Água Branca. 

Depois dessas prisões, a polícia anunciou que praticamente dobrou o número de denúncias feitas ao 'Disque 100', somente para a cidade de Água Branca. A ordem do secretário estadual de Defesa Social, coronel Dário César, é dar continuidade às operações de combate à pedofilia na região.

    Leia tudo sobre: alagoasidososÁgua Branca

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG