golpe do falso emprego - Brasil - iG" /

Polícia prende mais 7 suspeitos de integrar golpe do falso emprego

SÃO PAULO ¿ A polícia prendeu outras sete pessoas, na noite desta quinta-feira, por suspeita de participação no ¿golpe do falso emprego¿. Doze pessoas já haviam sido presas com a mesma suspeita de integrar um grupo que exigis que pessoas que quisessem empregos vendessem ¿cartões de fidelidade¿ para conseguir o trabalho.

Redação |

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, a suposta quadrilha trabalharia em uma empresa de fachada e colocada anúncios em jornais para atrair suas vítimas. Quando solicitavam para que vendessem os cartões, as pessoas acabavam vendendo para amigos e familiares ou até mesmo comprando elas mesmas para conseguir o emprego prometido. Cada cartão custava R$ 1.000.

Ainda de acordo com a polícia, ao menos 29 vítimas do golpe foram ouvidas e não se pode estimar o número total de atingidos. A possibilidade de mais prisões existe, já que, segundo os policiais, são mais de 100 inquéritos sobre o golpe em andamento na polícia.

Os presos responderão na Justiça por estelionato e formação de quadrilha.

Leia mais sobre: golpe do falso emprego

    Leia tudo sobre: golpepresapresopresos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG