Polícia prende dois suspeitos pela morte do pai do prefeito de Guapimirim

RIO DE JANEIRO ¿ Policiais da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense prenderam na manhã desta quarta-feira dois suspeitos pelo assassinato de Renato de Costa Melo, conhecido como Renato do Posto, de 59 anos. A vítima era pai do atual prefeito de Guapimirim, Junior do Posto, e ex-secretário de Planejamento do município.

Redação |

O assessor da Câmara Municipal de Guapimirim, Roberto Silva Teixeira, foi preso em um posto de gasolina localizado ao lado do shopping Barra Garden, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. O outro suspeito, Frederico Scroll, irmão do presidente da Câmara Municipal de Guapimirim, foi detido em sua casa no bairro do Recreio dos Bandeirantes, também na zona oeste da capital fluminense.

Renato do Posto foi morto no último dia 12 de março, quando teve a residência invadida por dois homens encapuzados e armados. A vítima teve os pés e as mãos amarradas e foi atingido por dois tiros, um no peito e outro na cabeça.

No dia 29 de abril, agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense já haviam prendido seis suspeitos de terem participado do crime. Entre os detidos estavam três policiais militares, dois ex-PMs e um motorista de caminhão.

Veja também:

Leia mais sobre: assassinato

    Leia tudo sobre: assassinatomorteviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG