Polícia prende casal peruano com cocaína no estômago em MS

Segundo a polícia, peruano de 43 anos ingeriu 60 cápsulas de cocaína. Outros 6kg da droga estavam em bagagem

AE |

selo

Os peruanos Cristobal Torres Sandoval, de 43 anos, e Vilma Mejia Leiva, de 44 anos, ambos residentes em Lima, no Peru, foram presos nesta segunda-feira no Aeroporto Internacional de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, tentando embarcar com drogas.

Segundo a Polícia Federal (PF), agentes desconfiaram do casal, que tentava embarcar tendo como destino final o Marrocos. Ao serem entrevistados pelos policiais, eles entraram em contradições e demonstraram evidentes sinais de nervosismo.

Durante revista, os agentes encontraram 16 cápsulas contendo cocaína nos bolsos da calça do estrangeiro. Além disso, os policiais encontraram em duas malas placas emborrachadas de cor preta. As placas foram submetidas ao teste de coloração e a PF constatou ser cocaína misturada com borracha, com peso total de 6 quilos.

Na sede da Polícia Federal, com receio do rompimento de alguma cápsula, o peruano confessou que mantinha 60 cápsulas com cocaína no interior do seu organismo. Disse ainda que as 16 encontradas nos seus bolsos haviam sidas expelidas durante o percurso da Bolívia até Campo Grande.

O casal foi conduzido para a Santa Casa da capital. Ela para ser submetida a um exame de raio X e ele para internação para expelir as cápsulas com cocaína que se encontram em seu estômago.

Rio de Janeiro

No domingo, dois homens também foram presos no aeroporto internacional Tom Jobim , no Rio de Janeiro. Um deles havia engolido 70 cápsulas de cocaína (aproximadamente 1,4 quilo de entorpecente) e tentava embarcar para Portugal, mas o destino final da droga seria a Espanha.

    Leia tudo sobre: drogacocaínacápsulas no estômago

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG