Polícia prende 32 por roubo de gado em SP e MG

Trinta e duas pessoas foram presas até o fim da manhã de hoje, durante a Operação Sentinela, da Polícia Civil, realizada no sul de Minas, com o objetivo de desmantelar uma quadrilha de furto e roubo de gado e produtos agropecuários. Cerca de 250 policiais participaram da ação.

Agência Estado |

A ação ocorre em Andradas e Ibitiura de Minas. Foram expedidos 56 mandados de busca, apreensão e prisão. Até o período, 32 pessoas foram presas, inclusive o chefe da quadrilha com a mulher e o filho, e o ex-prefeito de Andradas, Donizeu Bergain, com seu filho, o vereador Juninho. Dados parciais revelam que, durante a operação, foram apreendidos arreios, ordenhadeiras, armas, veículos e motocicletas.

Segundo a Polícia, a quadrilha agia no norte de São Paulo e no Sul de Minas. O grupo invadia as fazendas, rendia os ocupantes da casa e roubava os equipamentos e defensivos agrícolas, gado e café. Os materiais roubados eram revendidos para comércios locais e os animais para frigoríferos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG