Polícia prende 26 acusados de tráfico de drogas no PR

Vinte e seis pessoas foram presas acusadas de pertencer a uma quadrilha de tráfico de drogas que agia em Curitiba e região, no Paraná, segundo informações da Agência Estadual de Notícias. As detenções ocorreram na sexta-feira.

Agência Estado |

Deflagrada pela Polícia Militar (PM), em parceria com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público, a Operação Nieman cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão em Curitiba, Araucária, Agudos do Sul, Colombo, Pinhais e em Camboriú, em Santa Catarina.

Segundo a PM, os suspeitos fazem parte de uma quadrilha que agia nos bairros Pilarzinho e Cajuru, em Curitiba, e em Almirante Tamandaré e Pinhais, na região metropolitana, e seria liderada por Marcelo Stoco, apontado como traficante da região do Pilarzinho e principal alvo da operação. Ele foi preso em Camboriú. Mais pessoas são procuradas para cumprimento de mandados de prisão preventiva. Com os presos foram apreendidas, entre outros, armas, drogas, dinheiro e veículos.

Segundo a polícia, também há indícios da participação da quadrilha em homicídios ocorridos nos últimos 12 meses no Pilarzinho e em Almirante Tamandaré, os quais teriam sido motivados por disputa de pontos de venda e dívidas de drogas. Em 2003, Marcelo Stoco já havia sido preso pela Polícia Federal (PF), acusado de tráfico de cocaína e homicídio. Ele foi liberado em 2006.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG