Polícia prende 13 suspeitos por furto de equipamentos de refinaria da Petrobras

RIO DE JANEIRO ¿ Treze pessoas já foram presas em uma operação que a Polícia Civil realiza nesta terça-feira em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A ação tem como objetivo desarticular uma quadrilha que furtava equipamentos da refinaria da Petrobras no município, a Reduc.

Redação |

No total, foram expedidos 17 mandados de prisão e 26 de busca e apreensão. De acordo com o delegado titular da 60ª DP (Campos Elíseos), Luiz Lima Ramos Filho, que coordena a operação, os mandados de prisão são para quatro empresários, seis funcionários terceirizados da Reduc e sete vigilantes que trabalhavam na refinaria.

Segundo a polícia, os vigilantes e os funcionários terceirizados furtavam equipamentos, como válvulas e tubos de aço, e repassavam para empresários, responsáveis pelo esquema. As investigações mostraram que o golpe já vinha sendo praticado desde o início de 2008. Nesse período, foram furtados cerca de 15 toneladas de equipamentos, gerando um prejuízo de mais de R$ 3 milhões.

Cerca de 100 policiais de 18 delegacias participam da ação que acontece desde o início da manhã desta terça-feira. Os mandados estão sendo cumpridos na Reduc, na casa dos funcionários e em firmas de empresários envolvidos no crime.

O material apreendido e os presos serão encaminhados para a delegacia de Campos Elíseos. Os suspeitos irão responder pelos crimes de furto, formação de quadrilha e receptação.

Leia mais sobre: Reduc

    Leia tudo sobre: duque de caxiasfurtorefinariaroubo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG