Polícia monta esquema para escoltar 16 presos do PCC

Um forte esquema de segurança foi montado hoje pela Polícia Civil, em Franca, na região de Ribeirão Preto (SP), para escoltar 16 presos ligados ao Primeiro Comando da Capital (PCC) que participaram de uma audiência com o juiz da 2ª Vara Criminal, Wagner Carvalho Lima. A quadrilha foi indiciada por tráfico e associação ao tráfico.

Agência Estado |

Cerca de 50 policiais civis (uma parte fardada e outra à paisana) transferiram os presos de presídios de sete cidades do Estado.

O bando, que também teria participado dos ataques às forças de segurança pública em 14 de maio de 2006, começou a ser desmontado em outubro de 2007. O delegado assistente da Seccional de Franca, Wanir José da Silveira Júnior, comandou a operação que começou há alguns dias, com as transferências dos presos para a Cadeia da Guanabara, para que hoje seguissem ao Fórum.

Para que a audiência de instrução fosse realizada sem problemas, com o juiz ouvindo os acusados e dezenas de testemunhas, o trânsito nas imediações do prédio foi interrompido. Após a audiência, que ainda está em andamento no começo desta noite, todos os detentos seriam conduzidos novamente para seus presídios de origem, segundo Silveira Júnior.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG