Polícia investiga assassinato de advogado em SP

A Polícia Civil investiga a morte do advogado Roberto Ribeiro de Araújo, de 52 anos, que foi morto baleado dentro de um restaurante na Avenida Paes de Barros, na Mooca, zona leste da Capital, volta das 22 horas de ontem. Ele foi encontrado com ferimentos no tórax pela Polícia Militar e socorrido no Hospital João XXIII, mas não resistiu aos ferimentos.

Agência Estado |

Uma testemunha, que estava com a vítima, contou à polícia que um dos clientes atirou contra o peito do advogado e fugiu em seguida. Segundo ela, o acusado frequentava o restaurante há cerca de 20 dias, duas vezes por semana e, na maioria das vezes, sentava sozinho. Certa vez, contou que era de Pernambuco, fazia "bico" de pedreiro e morava no bairro.

A testemunha contou também que ontem ele apenas bebeu e, antes de pagar a conta, atirou quatro vezes contra o advogado. O caso foi encaminhado ao 56º Distrito Policial (Vila Alpina) para investigação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG