Polícia Federal prende 4 por roubos a agências dos Correios em Pernambuco

RECIFE - Quatro homens foram presos pela Polícia Federal (PF) acusados de pertencer a uma quadrilha de assaltantes de agências dos Correios que vinha agindo na região de Manari, em Pernambuco. Todos os presos da Operação Cercadinho foram encaminhados ao presídio Advogado Brito Alves, na cidade de Arcoverde, onde permanecerão à disposição da Justiça. A corporação tenta agora identificar e prender outros dois suspeitos.

Agência Estado |

As investigações tiveram início após o roubo à agência dos Correios e Telégrafos da cidade de Manari, ocorrido em 13 de maio deste ano. Dois suspeitos invadiram o local, renderam os funcionários e roubaram pouco mais de R$ 16 mil em dinheiro. Dois meses depois, as investigações permitiram a identificação dos envolvidos no crime, parte deles moradores do povoado conhecido como Cercadinho, no distrito de Manari, o que inspirou o nome da Operação.

Realizada na sexta-feira, a ação contou com a participação de 30 agentes de Salgueiro, Recife e Caruaru. Foram cumpridos também seis mandados de busca e apreensão. Os presos foram identificados como Elieldo José da Silva, flagrado na posse de um revólver no momento da prisão; Roberto José da Silva - segundo a PF, mentor e articulador dos assaltos -, e os irmãos Jossenir Valdemar da Silva e Juarez Valdemar da Silva. Um dos suspeitos, Francisco Canindé Ferreira da Silva, já cumpre pena desde junho no Presídio de Arcoverde por porte ilegal de arma de fogo.

    Leia tudo sobre: correiospolícia federal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG