Polícia Federal prende 20 em operação contra tráfico no sul do Estado do Rio

RIO DE JANEIRO ¿ Pelo menos 20 pessoas foram presas em flagrante nesta quinta-feira pela Polícia Federal na ¿Operação Timburibá¿. A ação policial tem como objetivo combater o tráfico de drogas nos municípios de Resende, Volta Redonda e Itatiaia, no sul do Estado do Rio de Janeiro.

Redação com Agência Estado |

No total, foram expedidos pela Vara Criminal de Resende 34 mandados de condução coercitiva. Esse tipo de mandado se configura quando uma testemunha é obrigada a acompanhar um agente policial, após ser convocada pelo juiz para depor e não comparecer.

De acordo com a Polícia Federal, desses 34 mandados, 20 viraram prisão em flagrante por associação ao tráfico de drogas. Os outros 14 mandados de condução coercitiva devem ser cumpridos até o final do dia.

Os agentes também cumpriram nesta quinta-feira 48 mandados de busca e apreensão nos três municípios do sul fluminense e em duas cidades fora do Estado do Rio: Santos, no litoral paulista, e Passa Quatro, em Minas Gerais.

A Polícia Federal informou que as investigações da Operação Timburibá tiveram início há nove meses. No último dia 19, quatro suspeitos foram presos em flagrante e 500 gramas de crack foram apreendidas no município de Queluz, em São Paulo.

As investigações mostraram que o grupo desarticulado pela operação policial atuava no sul fluminense e recebia drogas, principalmente crack, trazidas de Taubaté, em São Paulo, e de Passa Quatro, em Minas Gerais. Segundo o delegado Alexandre Saraiva, da Polícia Federal de Volta Redonda, a quadrilha estaria associada à facção criminosa Comando Vermelho no Rio e há possibilidade de envolvimento com furto de automóveis e roubo de cargas.

Os presos serão levados para a Polinter. Lá, os homens serão encaminhados ao Presídio Ary Franco, em Água Santa, zona norte do Rio, e as mulheres, à Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, em Minas Gerais. Cerca de 200 agentes participam da Operação Timburibá.

Veja também:

Leia mais sobre: tráfico de drogas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG