Polícia Federal encerrou 2010 com 272 operações

Operação Sentinela apreendeu 231 quilos de crack e outros 57.111 kg de maconha

iG São Paulo |

A Polícia Federal (PF) encerrou o ano de 2010 com um total de 272 operações, resultado inferior ao do ano anterior, quando foram realizadas 282. Os Estados de São Paulo e Rio de Janeiro lideram no número de operações, com 72 e 33, respectivamente. Nos dois estados a corporação realizou 624 mandados, sendo 379 em São Paulo e 245 no Rio de Janeiro.

Para a PF, o destaque do ano foi a Operação Sentinela - ainda em andamento-, que tem como objetivo coordenar esforços da União e Estados na faixa de fronteira. A ação, que reúne Polícia Federal, Força Nacional, Polícia Rodoviária Federal e polícias estaduais visa reduzir a criminalidade na região de fronteira, reprimindo tráfico de drogas, contrabando e saída ilegal de valores e bens, entre outros delitos. Na Operação, em 2010, foram apreendidos 231,74 kg de crack, 772,90 kg de cocaína e 57.111 quilos de maconha.

Segundo balanço da Polícia Federal, as operações resultaram na prisão de 2.734 pessoas, sendo124 servidores públicos, e outros cinco integrantes da própria corporação. Ainda de acordo com a corporação, um dos focos da atual administração foi a celeridade e qualidade dos inquéritos policiais. Trabalho coordenado pela Corregedoria Geral, alcançou um resultado expressivo no ano de 2010, quando o número de inquéritos relatados superou os inquéritos abertos, reduzindo em 40 mil o passivo de investigações em andamento.

A atuação da Corregedoria também resultou em uma maior produtividade no cumprimento de Cartas Precatórias, que são pedidos de diligências feitos entre as diferentes unidades da PF. Em 2010 a relação entre Cartas Precatórias cumpridas e recebidas atingiu 104%.

    Leia tudo sobre: operaçãopolícia federalprisão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG