Polícia Federal apreende 180 metros cúbicos de madeira no Mato Grosso

CUIABÁ ¿ A Polícia Federal apreendeu nos últimos dias, no Mato Grosso, mais de 180 metros cúbicos de madeira sem a devida comprovação de origem e os documentos de autorização para transporte em mais uma ação da Operação Arco de fogo.

Redação |

De acordo com a polícia, as apreensões começaram na última sexta-feira, quando um caminhão carregado com 100 metros cúbicos de carvão e outro com 14 metros cúbicos de madeira foram abordados em barreira montada no distrito Simione, em Itanhangá. A cidade fica a cerca de 160 quilômetros de Sinop.

Divulgação/PF
Caminhão carregado de madeira é apreendido pela Polícia Federal

A carga de carvão seria levada para Betim, em Minas Gerais, e a madeira abasteceria uma das várias madeireiras da região.

Nesta terça-feira, policiais apreenderam dois caminhões com madeira em tora sem os documentos de autorização de transporte. Um caminhão levava 60 metros cúbicos de madeira e o outro 23 metros cúbicos.

A madeira, o carvão e os três veículos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal em Sinop, onde passarão por perícia para avaliar o valor de mercado.

Ainda segundo a PF, os motoristas estão sujeitos à penalidade de detenção de seis meses a um ano, além de multa, segundo a Lei nº 9605/1998, que trata dos crimes ambientais.

Deflagrada no Estado do Pará em 26 de fevereiro de 2008, a operação Arco de Fogo é um esforço conjunto dos Ministérios da Justiça e Meio Ambiente para combater, principalmente, o desmate ilegal na Amazônia.

Leia mais sobre: Arco de Fogo 

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG