Polícia fecha duas lojas de fogos de artifício em Santo André

SÃO PAULO - Duas lojas que vendiam fogos de artifício foram fechadas na manhã desta sexta-feira em Santo André, no ABC Paulista, após denúncias anônimas. De acordo com a Polícia Militar, os proprietários não tinham a documentação exigida para a comercialização dos produtos.

Redação |

O primeiro estabelecimento, na rua rua Basílio Magalhães, número 14, no condomínio Maracanã, funcionava com auto de vistoria do Corpo de Bombeiros falsificado.

O proprietário da loja foi detido e levado ao 6º DP de Santo André. Ele vai responder por falsificação de documento público e estocagem irregular de material explosivo.

Já o dono da segunda loja, localizada na rua Dias da Silva, número 209, na Vila Junqueira, não tinha nenhuma documentação exigida. Ele será notificado pela prefeitura e, segundo a polícia, também deve ser conduzido ao 6º DP.

Nesta quinta-feira, a explosão de uma loja em Santo André deixou duas pessoas mortas e 12 feridas. Além disso, quatro casas foram destruídas.

AE
Local da explosão de uma loja de fogos de artifício em Santo André

Leia mais sobre: Santo André - explosão

    Leia tudo sobre: explosãofogos de artifíciosanto andré

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG