Polícia encontra maconha escondida em creche no Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO ¿ Cerca de 250 quilos de maconha foram apreendidos na manhã desta quarta-feira em uma operação da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) na Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. De acordo com os policiais, a droga apreendida estava escondida no forro do teto da Creche Municipal Tia Sônia Crispiniano, localizada na comunidade.

Redação com agências |

"Foi uma ação integrada entre as polícias Civil e Militar. Foi uma operação baseada em informações do setor de inteligência e não precisamos efetuar nenhum disparo", disse o delegado Marcos Castro. A princípio, a polícia divulgou que havia localizado 300 quilos de maconha, mas o material foi pesado novamente, totalizando 250 quilos da droga.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação, 134 crianças com idades entre 0 e 4 anos estudam na creche onde a maconha foi encontrada. A instituição funciona das 7h às 17h e não teve as atividades suspensas por causa da apreensão do entorpecente. A secretaria informou que abriu uma sindicância para apurar por que a droga estava escondida no forro do teto da instituição.

"Para acessar o telhado, os traficantes não precisam obrigatoriamente acessar a creche. Podem fazer por um acesso da favela", disse uma assessora da secretaria de Educação.

Durante a ação desta quarta-feira, os agentes também prenderam dois homens suspeitos na subida da rua Sacopã, no bairro da Lagoa, um dos acessos para a Ladeira dos Tabajaras. Eles estavam com cinco quilos de maconha, uma pistola nove milímetros, possíveis anotações do comércio de drogas e R$ 500 em espécie.

A Ladeira dos Tabajaras se tornou palco de várias incursões policiais desde o dia 21 de março , quando uma fracassada tentativa de invasão de traficantes da favela da Rocinha resultou na morte de pelo menos quatro dos invasores. Outros três traficantes que participaram da invasão ainda estariam desaparecidos, segundo moradores da Rocinha.

*com informações das agências Estado e Reuters

Veja também:

Leia mais sobre: tráfico de drogas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG