Polícia do Rio prende 4 traficantes no Morro do Borel

A Polícia Civil prendeu hoje quatro traficantes e apreendeu duas pistolas durante uma operação no Morro do Borel, na Tijuca. A favela será a primeira na zona norte do Rio a ser ocupada pela Unidade de Polícia Pacificadora (UPP).

Agência Estado |

Na terça-feira, policiais militares prenderam Nelson da Silva, o Bill do Borel, apontado como o chefe local do tráfico de drogas.

O objetivo da operação era cumprir 20 mandados de prisão. Entre os procurados, os agentes prenderam o gerente do tráfico de entorpecentes da região, Cristiano Conceição Batista, conhecido como Tiano, e o responsável pela contabilidade do bando, Ricardo Luís Da Silva Cabral, conhecido como Toli. A polícia prendeu em flagrante por porte ilegal de arma Jorge Almeida da Silva, o Chico Tripa e Claudio Cícero de Lima, o Cisso.

Dois helicópteros e um carro blindado participaram da ação. Alguns tiros foram ouvidos apenas no momento em que a polícia entrou no morro. A turma de policiais que vai ocupar o Morro do Borel e pelo menos quatro comunidades nos arredores se formará no dia 19 de abril. Antes disso, a exemplo do que ocorreu nas favelas que já contam com UPP, o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) deve ocupar o local. O Rio conta até agora com seis UPPs, que patrulham oito comunidades, sendo a maioria delas na zona sul do Rio.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG