Polícia do Paraná prende 279 suspeitos em operação contra tráfico de drogas

CURITIBA - A Polícia do Paraná prendeu nesta segunda-feira 279 pessoas e apreendeu 1.283 quilos de maconha, 3,5 quilos de cocaína, 3,7 quilos de crack, 52 armas, além de veículos e celulares. A operação mobilizou 1.180 policiais da Divisão Estadual de Narcóticos, Polícia Militar e Policia Rodoviária Federal para o cumprimento de 566 mandados de busca e apreensão e de prisão.

Redação |

O trabalho de inteligência e integração de toda a polícia, resultou em forte golpe nas quadrilhas de traficantes que agem em todo Estado. Foi uma ação de combate sistemática ao tráfico de drogas", disse o secretário da Segurança Pública, Luiz Fernando Delazari.

SESP/divulgação
Polícia lança operação de combate ao tráfico de drogas
Polícia apreende 1.283 quilos de maconha, 3,5 quilos de cocaína, 3,7 quilos de crack, 52 armas, além de veículos e celulares

De acordo com o delegado-chefe da Denarc, Marcus Vinicius Michelotto, a ação alcançou todos os objetivos. O trabalho de investigação contou com o esforço de todos, e tinha como objetivo neutralizar as quadrilhas que atuam em todo estado. Um golpe certeiro nos traficantes, afirmou.

Em Curitiba, 180 policiais, distribuídos em 50 viaturas, cumpriram 58 mandados de prisão e seis de prisão. Os suspeitos foram localizados em Agudos do Sul, Campo Magro, Almirante Tamandaré, Colombo, Fazenda Rio Grande e Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. Foram presas 10 pessoas e apreendidos 35 quilos de maconha, três vasos com pés da planta, duas balanças de precisão, nove buchas de cocaína, 17 gramas de crack, uma espingarda calibre 22, munições do mesmo calibre, uma camisa em que estava escrito Polícia Civil.

Realizada pelo núcleo de Foz do Iguaçu, com apoio 6.ª Subdivisão, da Policia Militar e da Polícia Federal, a operação com cerca 71 policiais teve inicio no Jardim Jupira. Com mandados de prisão e de busca e apreensão, emitidos pela 1.ª Vara Criminal da Foz, a operação iniciada no inicio da manhã resultou na prisão de cinco pessoas e na apreensão 1.237 quilos de maconha, 1,26 quilo de cocaína, 372 papelotes de cocaína prontos para distribuição, 640 gramas e 454 pedras de crack, R$ 1.180 e um Jeep Cherokee, placas BAD-3399 de Pinhais.

O trabalho conjunto da Denarc e da 10.ª Subidivisão, com a participação de 70 policiais resultou no cumprimento de 35 mandados na região de Londrina. Foram efetuadas 24 prisões, seis apreensões de adolescentes, três pistolas calibre 380, dois revólveres calibre 38, uma espingarda calibre 36, farta munição, R$ 4.817, 100 gramas de cocaína e 120 gramas de maconha.

Policiais da 9.ª Subdivisão, de Maringá, apreenderam na região 1,24 quilo de maconha e mais de 3 quilos de crack, o que equivale a 13 mil pedras para comercialização na região. Em uma apreensões, a polícia encontrou mais de 50 papagaios. O responsável pelos animais também será autuado por crime ambiental.

Na área da 18.ª Subdivisão, em Telemaco Borba, foram apreendidas 40 gramas de maconha e 430 gramas de crack o que equivale a mais de 1.300 pedras da droga.

Na área da 13.ª Subdivisão, 65 policiais cumpriram 57 mandados de busca, apreensão e de prisão e apreendidos 1,64 quilo de maconha, 204 gramas de crack, e quatro armas na região de Ponta Grossa.

Policiais da 7.ª Subdivisão, em Umuarama, apreenderam 413 gramas de crack que seriam transformadas em cerca de 1.200 pedras para consumo.

Com a participação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), de Guarapuava, policiais da 14.ª Subdivisão apreenderam cerca de 600 gramas de crack, suficientes para fazer 2 mil pedras para venda.

Leia mais sobre: drogas

    Leia tudo sobre: drogas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG