Sete pessoas foram presas, por volta das 21h de ontem, por agentes da Divisão de Investigações sobre Furtos e Roubos de Veículos (Divecar) do Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic), no interior de um galpão, na zona sul da capital paulista, onde havia sido montado um centro de distribuição de cigarros oriundos do Paraguai. Após receberem uma denúncia anônima sobre a existência de um desmanche de caminhões e carga roubada no interior do imóvel, no Jardim São Luiz, os investigadores foram até o local, mas acabaram flagrando um grupo que descarregava pelo menos 800 caixas de cigarros, cada uma contendo 500 maços, a maioria das marcas Bahamas e US.

Entre os sete detidos, havia o motorista de uma carreta Scania, de placa de Curitiba(PR). O acusado afirmou aos policiais que havia recebido 500 reais para trazer a mercadoria do Paraná até São Paulo. Os outros seis homens, todos carregadores, disseram que desconheciam a procedência dos cigarros e que apenas iriam ganhar 50 reais para transferir as caixas para o galpão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.