A Polícia Civil descobriu hoje em São José dos Campos, interior de São Paulo, um ponto de distribuição de armamentos e explosivos para quadrilhas de assaltos a bancos e roubos na região do Vale do Paraíba. Segundo o delegado do terceiro distrito, Edson Bimbi, há pouco mais de um mês o serviço de inteligência investigava as atividades criminosas no bairro de Pararangaba, região leste da cidade.

Numa ação surpresa, os policiais apreenderam 14 granadas de uso das Forças Armadas, além de um artefato de TNT com força suficiente para explodir um prédio de 14 andares.

No local ainda foram apreendidos detonadores, duas pistolas de calibre 765 e outras duas de calibre 380, um revólver 38, munições, dois quilos de cocaína, além de uma TV LCD de 29 polegadas na caixa. Um dos acusados pela distribuição do material, o mecânico Ronaldo Sebastião da Silva, de 31 anos, foi preso e levado para o Centro de Detenção Provisório (CDP) de São José dos Campos. O delegado informou que também está sendo investigada a possível ramificação para outras regiões e também a possível ligação com facções criminosas ligadas ao sistema prisional do Estado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.