Polícia de São Paulo mata mais em 2009 do que em ano de ataques do PCC

Em 2009, 524 pessoas foram mortas pela Polícia Militar no Estado de São Paulo nos chamados ¿confrontos com resistência, seguidos de morte¿. O número é 6% maior do que o registrado em 2006, ano em que a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) liderou a maior onda de ataques já vista em São Paulo e levou pânico às ruas.

iG São Paulo |

Os dados são da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP) e mostram que os casos de resistência que culminam em morte têm aumentado ano após ano. Em 2008, foram 371, índice 41% menor que o de 2009, porém, já 3% superior ao de 2007.

Por outro lado, ao mesmo tempo em que aumenta o número de mortos pela PM, diminuiu o de policiais atingidos em combate. Em 2006, a PM matou 495 pessoas e 29 policiais morreram. Em 2008, 19 policiais morreram e, em 2009, foram 16. Uma queda de 16% em relação ao ano anterior.

O número de mortos pela polícia em 2009 é maior também do que registrado há 10 anos. Em 1999, o índice também foi 41% menor que o atual, com 371 mortes.

Um relatório divulgado em dezembro último pela ONG Human Rights Watch já apontava para este aumento da violência policial. Conforme o relatório, as polícias do Rio de Janeiro e de São Paulo mataram juntas 1.534 pessoas em 2008, número maior que o de mortes cometidas por policiais em toda a África do Sul.

As estatísticas fornecidas pela SSP mostram também que, após 10 anos consecutivos de queda, o número de homicídios também voltou a subir no Estado.Em 2009, foram registrados 4.778 homicídios dolosos, contra 4.690, em 2008.

A alta ocorreu, principalmente, devido ao aumento dos crimes no interior do Estado. Comparando apenas os dados do último trimestre de cada ano, os homicídios dolosos subiram 3,2% no interior, passando de 521, em 2008, para 538 casos, em 2009. Para especialistas, falta preparo à polícia para atuar em pequenas e médias cidades que enriqueceram e se tornaram atraentes aos olhos da criminalidade.

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: mortepoliciaispolíciasão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG