SÃO PAULO - Policiais da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise), em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO), prenderam 13 pessoas envolvidas com o crime organizado na madrugada desta quinta-feira, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo.


Cerca de 80 agentes saíram às ruas para efetuar as prisões e cumprir 16 mandados de busca e apreensão. 

Os presos são apontados pela polícia como integrantes de facções organizadas que agiam dentro e fora das cadeias. Dois deles, considerados chefes da quadrilha do lado de fora dos presídios, eram os responsáveis pelos homícidios, tráfico de drogas e roubos. 

Um deles, segundo a polícia, seria dono de uma empresa de ônibus que supostamente era usada para lavagem de dinheiro. De acordo com policiais, os suspeitos faziam parte da "folha de pagamento" da organização.

Com os detidos, foram apreendidos carros, drogas, armas documentos do crime organizado e até ônibus.

Leia também:


Leia mais sobre:
crime organizado 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.