Polícia Civil prende chefe do tráfico em morro do Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO - A polícia civil do Rio de Janeiro prendeu, na manhã desta quarta-feira, Alexandre Ferreira, conhecido como Galego, que seria, segundo os policiais, um dos chefes do tráfico na favela do Borel, no bairro da Tijuca, zona norte do Rio.

Redação |


Os policiais estão no morro desde as 6h30 da manhã para cumprir mandados de prisão contra supostos traficantes da região. Entre eles estaria o de William Robocop, que, segundo a polícia é o chefe do tráfico na região.

A operação é coordenada pelo 19º DP (Tijuca) e conta com o apoio de mais de 100 policiais, de outras oito delegacias e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core).

Além das prisões, foi recuperado um veículo que havia sido roubado. Dentro dele, havia diversas carteiras de identidade. Os policiais ainda vão investigar de quem são os documentos.

Os policiais continuam na favela em busca de Robocop e outros supostos traficantes.

Operação no Vidigal

Nesta terça-feira policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) também realizaram uma operação, desta vez, na favela do Vidigal, zona sul do Rio.

De acordo com informações da polícia, a ação teve como objetivo coibir uma possível guerra pelo comando da favela. Ainda de acordo com policias, traficantes do Comando Vermelho (CV) estariam planejando invadir o morro e tomar os pontos de venda de drogas que atualmente são controlados pela facção Amigo dos Amigos (ADA). As duas facções são rivais.

Segundo informações da assessoria de imprensa da Policia Militar, não houve confronto e apenas três motos foram apreendidas.

Leia mais sobre: operações policiais

    Leia tudo sobre: policia civil

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG