Polícia Civil investigará ação do Gate no caso Eloá

SÃO PAULO - A Polícia Civil vai investigar a conduta dos policiais militares do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) que atuaram no seqüestro que resultou na morte da estudante Eloá Cristina Pimentel e deixou ferida a amiga dela Nayara.

Agência Estado |

A ação provocou críticas de especialistas e levantou suspeitas de órgãos ligados à defesa da criança e do adolescente, principalmente com relação ao retorno de Nayara ao apartamento.

O objetivo da polícia é saber se houve desrespeito ao Estatuto da

Reprodução

Policial invade apartamento durante ação

Criança e Adolescente (ECA), uma vez que Nayara voltou ao apartamento onde Lindemberg Alves mantinha a ex-namorada refém. A Polícia Civil ainda quer saber como a invasão foi feita e se houve um disparo antes da ação.

A prioridade é ouvir o depoimento formal de Nayara, que só deve receber alta hospitalar amanhã. "O inquérito vai tratar da narrativa dos fatos", afirmou um dos delegados que participam da investigação.

"Também vai dizer se ele atirou contra o escudo de um policial militar." O plano é concluir a primeira parte da apuração até sexta-feira e enviar o relatório à Justiça. Mas a investigação deve continuar no que é chamado de autos apartados.

O promotor da Infância e Juventude de Santo André, Ricardo Flório, também quer explicações e disse ontem que enviará à Justiça Militar um ofício pedindo que os possíveis erros da polícia sejam apurados. Foi um absurdo o que fizeram com a Nayara, colocando sua vida em risco, ao deixar que ela voltasse ao cativeiro.

Os policiais do Gate afirmam que Nayara foi orientada a permanecer fora do cativeiro. Ela voltou porque quis. Temos tudo gravado, inclusive a conversa com a mãe da Nayara, disse um policial que participou da negociação. As informações são do "Jornal da Tarde".

Veja a retrospectiva do caso

Leia também:

  • Nayara deve ter alta na quarta-feira, diz secretário
  • Caso Eloá: conselho pede inquérito sobre ação da PM
  • Nayara manifestou vontade de ir ao enterro de Eloá
  • Cemitério particular doa jazigo de R$ 10 mil para Eloá
  • Em depoimento, Nayara conta detalhes das primeiras horas do sequestro
  • Coração de Eloá é transplantado em mulher de 39 anos
  • Em cirurgia bem-sucedida, jovem recebe pulmão de Eloá
  • Garota de 12 anos receberá o fígado de Eloá
  • Morte de Eloá complica ainda mais situação de Lindemberg
  • Ex-secretário de Segurança acusa erros no caso Eloá

    • Leia tudo sobre: eloágatemortesanto andrétragédia

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG