A Polícia Militar Ambiental apreendeu 39 pássaros silvestres que estavam em uma residência no bairro do Jardim São Francisco, zona sul da capital paulista. Após denúncias, os policiais foram a uma casa onde existiriam animais sem documentação e sofrendo maus tratos.

Na residência, a polícia encontrou os pássaros.

Em depoimento, o dono dos animais disse que é sócio de uma sociedade de criadores de pássaros. Como as documentações estavam irregulares, todos os animais, entre eles canários, pixarros e sabiás, foram apreendidos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.