SÃO PAULO - Três pessoas foram presas em uma apreensão de mais de 2 mil DVDs piratas pela Polícia Militar na noite desta terça-feira, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP). Os policiais encontraram o imóvel onde a suposta pirataria era feita na Avenida Dona Mariana Caligiori Ronchetti, no Jardim Peri, zona Norte de São Paulo.

Acordo Ortográfico

Além dos 2.230 DVDs encontrados, foram apreendidos 2.160 DVDs virgens, 460 discos de mp3, um drive para gravação, computadores, televisões, impressoras e outros equipamentos eletrônicos.

Quando chegaram ao local, os policiais encontraram o ajudante Francisco Edimar de Oliveira, de 27 anos, monitorando os equipamentos de produção de cópias piratas. Além dele, foram presos o dono do imóvel, José Julio César de Abreu, de 24 anos, e o garçom  Inácio Mardonio de Abreu, de 31. Uma outra mulher, que se encontrava no local na hora da apreensão, foi encaminhada para a delegacia, mas não foi presa.

O caso foi enviado ao 38º Distrito Policial e os suspeitos devem responder por violação de direito autoral, segundo a SSP.

Leia mais sobre: apreensões

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.