Operação no município de Paulo Faria encontrou três barcaças, 14 pedras de diamente e uma de ouro

selo

A Polícia Militar (PM) apreendeu na última quinta-feira, 24, três barcaças utilizadas para extração ilegal de diamantes em Paulo Faria, município paulista próximo à divida com Minas Gerais. Também foram apreendidas 14 pedras de diamante e uma de ouro.

A extração de diamantes com o equipamento encontrado é considerada atividade potencialmente poluidora. Os motores das barcaças, movidos a óleo diesel, permitem o funcionamento de compressores de ar para abastecer mergulhadores. Estes utilizam uma mangueira para capturar o mineral decantado no fundo dos rios.

Dezoito autos de infração ambiental foram emitidos contra os infratores, que devem ser punidos com multa, além da suspensão das atividades. Esta foi a quarta Operação Diamante realizada no local e, de acordo com a polícia, o número de garimpeiros já diminuiu de 130 para 18.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.