Polícia apreende armas no Morro da Providência

A Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro da Providência, no Centro do Rio, realizou a maior apreensão desde a sua instalação na favela mais antiga da cidade. Um rifle de precisão, duas mil munições para diferentes calibres de fuzil e uma pistola foram encontrados em uma casa abandonada, na noite de ontem, em um local conhecido como Vila da Cordoaria, em um dos acessos à comunidade, na Central do Brasil.

Agência Estado |

No Morro do Borel, na Tijuca, a favela mais cotada para receber a primeira UPP da zona norte, homens do 6º Batalhão de Polícia Militar mataram três supostos traficantes em confronto armado, que assustou moradores e motoristas, na noite de ontem. Os mortos foram identificados como Cristânio Souza Silva, Marivaldo José de Oliveira Júnior e Iuri Portela Vasconcelos. Os policiais disseram que todos eram envolvidos com o tráfico de drogas. Duas pistolas e uma granada foram apreendidas.

O Batalhão de Choque ficou de prontidão nos acessos à comunidade durante toda a madrugada para evitar protestos. Desde o dia 19, a Polícia Civil e a PM realizam operações nos morros da região. No Morro dos Macacos, em Vila Isabel, que também deve receber uma UPP ainda este ano, também houve tiroteio entre policiais e traficantes ontem, mas ninguém ficou ferido.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG