Polícia apreende 60 quilos de explosivos na Bahia

Explosivos estavam armazenados em uma cabana de madeira, sem segurança

AE |

selo

A Polícia Civil da Bahia apreendeu sessenta quilos de explosivos na região de Caldeirão do Miranda, em Maracás, na Bahia, na tarde da última quinta-feira, 14. Os explosivos estavam armazenados em uma cabana de madeira, sem segurança, próximos a tomadas elétricas, lâmpadas e galões de óleo diesel.

"Qualquer fonte de calor em contato com a combinação de nitrato de amônia poderia provocar uma grande explosão, colocando em risco a vida de pessoas que trabalhavam no local", explicou o coordenador regional e delegado Joaquim José Pereira de Souza.

Instalada nas imediações da Fazenda Santa Paula, no Km 53 da BR-330, a pedreira é explorada pela empresa Leite Rocha Ltda, com sede em Poções. Além do material explosivo, os policiais apreenderam ainda espoletas, carretéis e estopins, todos armazenados de maneira irregular.

O responsável pela Rocha Leite Ltda tem um prazo de até 15 dias para apresentar os documentos referentes a regularização do uso dos produtos controlados.

    Leia tudo sobre: políciaexplosivosBahia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG