Os advogados do proprietário da loja de fogos que explodiu na semana passada em Santo André, no ABC paulista, chegaram à delegacia do município por volta das 10h30 desta segunda-feira, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública. A apresentação do casal de comerciantes Sandro Luiz Castellani e Conceição Aparecida Fernandes, ambos de 41 anos, está sendo aguardada pelo delegado titular Alberto José Mesquita Alves, do 3º Distrito Policial de Santo André, desde ontem, quando Luciano Fernandes, sobrinho do dono da loja, disse que seu tio iria se apresentar hoje à polícia.

O casal será indiciado por crime de explosão e por todas as consequências decorrentes da tragédia, como danos materiais, lesão corporal e dois homicídios. Eles não são considerados foragidos da Justiça e, caso se apresentem, tanto podem ser ouvidos e liberados como autuados em flagrante, "se houver indícios de que provocaram a explosão", de acordo com o delegado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.