O cineasta franco-polonês Roman Polanski, em prisão domiciliar na Suíça, acionou judicialmente várias publicações francesas por ataques a sua imagem e sua vida privada, informou em Paris uma fonte judicial.

Polanski e a esposa, a atriz francesa Emmanuelle Seigner, entraram com uma ação contra as revistas VDS, Journal du Dimanche e Voici, das quais exigem 75.000 euros (US$ 110.000) de danos e prejuízos.

Algumas fotos citadas por Polanski mostram os filhos do casal no chalé de Gstaad, onde o diretor cumpre prisão domiciliar desde 4 de dezembro.

As reportagens e as fotografias foram publicadas após a liberação do cineasta.

Uma juíza de Paris se pronunciará sobre a ação no dia 12 de janeiro.

dom/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.