PMDB confirma convenção nacional em 6 de fevereiro

A Comissão Executiva Nacional do PMDB aprovou esta tarde, por unanimidade, a convocação de uma convenção nacional no dia 6 de fevereiro para eleger a nova direção partidária. Já há um consenso em torno da reeleição do deputado Michel Temer (SP) para a presidência do partido.

Agência Estado |

Hoje, Temer recebeu a solidariedade dos 11 representantes da Executiva presentes à reunião. O deputado Darcísio Perondi (RS) aproveitou a reunião para protestar contra "uma ação orquestrada de líderes poderosos do PT" contra a escolha de Temer para ser candidato a vice-presidente da República na chapa da ministra petista Dilma Rousseff (Casa Civil).

Em seguida, o senador Gerson Camata (ES) propôs que constasse em ata uma declaração de solidariedade ao presidente do partido. O líder do partido na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN), disse que só deverá ser apresentada uma chapa na convenção: "Nossa chapa é a da unidade, com Michel Temer na presidência."

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG