Uma pessoa foi presa e uma grande quantidade de carga roubada foi apreendida ontem em um estacionamento que também funcionava como lava-rápido, na Vila Jacuí, na zona leste de São Paulo. A Polícia Militar chegou ao local após denúncia de funcionários de uma empresa de rastreamento veicular, que monitorava um dos caminhões roubados.

Além da pessoa presa em flagrante, o dono do estacionamento onde a carga foi encontrada está sendo averiguado.

No local foi encontrada grande quantidade de produtos, como pneus seminovos, suporte para galões de água, rolos de arame para cerca elétrica, carcaças de câmeras de vigilância, bebidas diversas, fardos de água mineral, rolos de fio de cobre, rolos de tecido e sacos de argamassa, entre outros, além, dos caminhões que transportavam as cargas.

O pedreiro estava dentro de uma edícula, que funciona como residência. Quando questionado, alegou desconhecer a carga e veículos, e informou que era morador do imóvel, locado de forma verbal com o proprietário. Em revista à residência foram encontrados dois revólveres, um calibre 38 e o outro calibre 32.

As mercadorias e veículos, cuja procedência é conhecida, serão entregues aos representantes das empresas. No 63º DP, foi registrado boletim de ocorrência de receptação, posse irregular de arma de fogo de uso permitido, posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, localização, apreensão e entrega de objeto. E.G.S. permanece preso, à disposição da Justiça.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.