Plano de expansão de Viracopos será revisto

Técnicos da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e da prefeitura de Campinas vão analisar, a partir de segunda-feira, os termos de retificação do plano de expansão do Aeroporto Internacional de Viracopos. As modificações serão necessárias para preservar áreas de mananciais e cerrado, e diminuir impactos nas áreas de ruídos.

Agência Estado |

O anúncio foi feito pelo presidente da Infraero, Murilo Marques Barboza, e pelo prefeito de Campinas, Hélio de Oliveira Santos (PDT), nesta sexta-feira. Eles informaram que será feita uma mudança do zoneamento em áreas do entorno do aeroporto, com o objetivo de que, com a área de vocação aeroportuária valorizada, moradores possam comercializar seus terrenos a empresas.

"A segunda pista é prioritária para o Estado de São Paulo", afirmou o presidente da Infraero, que disse estar em Campinas atendendo a uma determinação do ministro da Defesa, Nelson Jobim. "Um grupo de trabalho, de caráter permanente, vai atuar de forma constante em todas as áreas que temos, algumas em caráter emergencial", afirmou Barboza.

O presidente da Infraero considerou "naturais" as críticas feitas ao Estudo de Impacto Ambiental e ao Relatório de Impacto sobre o Meio Ambiente, elaborados a partir do projeto de ampliação de Viracopos. "É natural que haja esse dissenso. Isso não vai atrapalhar o projeto", afirmou Barboza.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG