Pingüins chegam a praias do Nordeste brasileiro

Cerca de 45 pingüins já alcançaram as praias do Nordeste desde o mês de julho, segundo informações do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama). De acordo com o Ibama, os animais estão migrando para o litoral nordestino devido a um fenômeno natural da espécie, comum em animais jovens em busca de alimentação, seguindo os cardumes de sardinhas nas correntes marinhas.

Agência Estado |

As aves que chegam à costa do litoral do Nordeste estão debilitadas, com ferimentos nas nadadeiras, palmas e junções, possivelmente causados por ficarem presos em redes de pesca, ou ao serem libertados sem um cuidado maior.

Foram recolhidos 14 animais no Estado de Alagoas, sendo que a primeira dessas aves foi encontrada na Área de Proteção Ambiental (APA) de Piaçabuçu. A Paraíba também atendeu ocorrências com pingüins, sendo recolhidos cinco, que se somaram aos 26 recolhidos em Sergipe, totalizando 45 animais vivos. Os primeiros pingüins resgatados no litoral de Sergipe receberam atendimento pela equipe de biólogos e veterinários do Oceanário do Projeto Tamar em Aracaju e Instituto Mamíferos Aquáticos (IMA).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG