Pinça é esquecida dentro do abdome de paciente em Minas Gerais

Aposentado passou por cirurgia para a retirada de parte do intestino grosso e teve alta. Só depois que foi descoberto o erro

AE |

selo

O Hospital São José, em Uberaba, no Triângulo Mineiro, instaurou sindicância administrativa para apurar as responsabilidades por uma pinça cirúrgica ter sido "esquecida" no abdome de um paciente. O aposentado Lázaro Lorena da Silva, de 59 anos, precisou passar por nova cirurgia para a retirada do objeto.

L. Adolfo/ Futura Press
Filha de Lázaro tirou uma foto para provar o acontecido, já que segundo ela, o hospital não liberou o raio-x
O aposentado passou por um procedimento cirúrgico para a retirada de parte do intestino grosso no dia 24 de dezembro e recebeu alta médica três dias depois. No período de recuperação, ele começou a sentir fortes dores na região abdominal e foi levado novamente para o hospital. Uma radiografia constatou a presença da pinça, semelhante a uma tesoura curva, em seu organismo. 

O paciente permanece internado nesta terça-feira em observação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital. Seu estado de saúde é considerado estável e a previsão é que ele seja liberado nos próximos dias.

Familiares do aposentado registraram boletim de ocorrência na Polícia Civil. O Conselho Regional de Medicina (CRM) em Uberaba promete investigar o episódio caso receba uma denúncia formal.

    Leia tudo sobre: hospitalpinçauberabasindicância

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG