PF também cumpre busca na casa do vice da MMX

A Polícia Federal (PF) cumpre, no Rio de Janeiro, mandato de busca e apreensão na residência do vice-presidente da empresa de mineração da EBX, a MMX, Flávio Godinho, na Operação Toque de Midas, que tem como objetivo investigar supostas irregularidades na concessão da estrada de ferro do Amapá. Ao todo, a PF cumpre três mandatos de busca e apreensão.

Agência Estado |

Um deles foi cumprido na residência do empresário Eike Batista, controlador do grupo EBX. O terceiro está sendo cumprido na sede do grupo, no bairro do Flamengo, zona sul da capital fluminense.

No total, a Toque de Midas envolve 12 mandados de busca e apreensão. A operação investiga irregularidades na concessão da estrada de ferro do Amapá, que liga os municípios de Serra do Navio e Santana. A concessão é administrada hoje pela MMX Amapá, cujo controle foi vendido no início do ano para a companhia sul-africana Anglo American.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG